Outras pessoas estão vendo agora:

Conheça a Praia da Figueira em Bonito – MS

A apenas 14 km da cidade de Bonito –...

6 atrações turísticas em Dubai para você incluir no roteiro de viagem

Se você está em busca de um destino super...

As 11 melhores praias da Califórnia

Fazer uma viagem para o estado da Califórnia, nos...

Grávida pode viajar de avião?

Muitos já se perguntaram se uma grávida pode viajar de avião, seja por ter uma colega ou até mesmo por experiência própria.

É importante conhecer alguns dados acerca do tempo de gestação, doenças, duração da viagem e até mesmo documentos necessários.

Separamos algumas dicas e informações úteis para tornar a viagem da gestante a mais tranquila o possível.

Confira!

Curta: Nossa Página no Facebook

Descubra se uma grávida pode viajar de avião e os cuidados necessários durante a viagem

Grávida pode viajar de avião inicio post
Fonte: AOL

Até quantas semanas uma grávida pode viajar de avião?

Uma grávida pode viajar de avião sem demais preocupações contanto que não possua alguma complicação médica como:

• Diabetes;

• Sangramento vaginal;

• Pressão alta;

• Histórico de parto prematuro.

O tempo de gestação considerado fora do grupo de risco é tido como no primeiro e segundo trimestre de gestação – até 27 semanas.

Em casos de dúvidas, vale a pena consultar um obstetra antes de realizar a viagem, afinal, cada caso é um caso.

veja Também: Quem teve trombose pode viajar de avião?

Considerações importantes para se ter em mente:

Não deixe de conversar com o médico em caso de desejar viajar para o exterior.

Afinal, nesses casos, pode haver uma necessidade mais específica, como vacinas e cuidados extras.

Entre 28 e 36 semanas, uma grávida pode viajar de avião apenas após conversar com a companhia aérea e após uma consulta médica.

Afinal, nesse período o risco de se ter um parto prematuro é maior, portanto, é válido se certificar um tempo antes da viagem.

É fundamental conferir as políticas da empresa com a qual pretende voar, e, dependendo, conseguir um atestado com seu médico.

Em alguns casos, apenas é possível viajar com um médico ao lado, após a 36ª semana de gravidez.

Veja Também: Quem teve arritmia pode viajar de avião?

Como tornar a experiência do voo mais agradável:

Grávida pode viajar de avião post
Fonte: eDestinos

Como a gestação é um período de cuidados intensos, separamos algumas dicas para tornar a experiência da gestante mais agradável:

• Procure reservar um assento no meio do avião, próximo à asa – em que a estabilidade durante o voo é maior;

• Senão, opte por um assento no corredor, pois facilita o acesso ao banheiro;

• Evite ficar muito tempo sentada, busque dar caminhadas pelo avião de hora em hora, para evitar inchaços e dores nas pernas.

Como na gestação o fluxo sanguíneo é mais intenso (cerca de 50% maior), vale a pena adquirir uma meia de média compressão.

Utilizando-a durante o voo, é possível prevenir dores e inchaços.

Veja Também: Quem tem labirintite pode viajar de avião?

Cuidados necessários na hora de escolher uma companhia aérea:

Algumas companhias aéreas podem contar com algumas restrições quando o tópico é gravidez.

Uma grávida pode viajar de avião bem mais tranquilamente se antes providenciar determinados documentos, por exemplo.

Para uma gravidez simples, as recomendações são:

• Não é necessário atestado médico até 27 semanas;

• 28 a 35 semanas: Realizar o preenchimento da Declaração de Responsabilidade proporcionada pela companhia aérea;

• 36 a 37 semanas: Solicitar um atestado médico válido por 30 dias;

• 38 semanas: Só é permitido o embarque em casos de urgência extrema, além de ser preciso entregar a Declaração de Responsabilidade e embarcar com o médico responsável.

Veja Também: Quem teve aneurisma pode viajar de avião?

Para uma gravidez múltipla (gêmeos ou mais) é recomendado:

• 26-31 semanas: Preencher a Declaração de Responsabilidade;

• 32-37 semanas: Atestado médico válido por 30 dias;

• 38 semanas: Apenas permitido o embarque em casos de urgência extrema, ou se possuir a Declaração de Responsabilidade e embarcar com o médico.

Para uma gestação de risco, é necessário enviar o formulário MEDIF em até 24 horas antes do embarque.

Veja Também: 5 dicas para você vencer o medo de viajar de avião

Para uma segurança ainda maior:

Grávida pode viajar de avião final post
Fonte: folhadosudoeste

Um seguro de viagem é uma confiança extra para qualquer gestante em viagens de avião.

Afinal, qualquer imprevisto estará coberto.

Utilize roupas confortáveis, tome muita água, utilize o cinto de segurança abaixo da barriga, adquira uma meia de compressão, leve o cartão pré-natal e tome as vacinas caso viagem para o exterior.

Não se esqueça de caminhar no avião e evite esforços físicos.

Boa viagem!

Veja Também: 11 segredos que os comissários de voo não revelam aos passageiros

Leia também

6 lugares para uma escapada de fim de semana saindo de Brasília

Quem vive em Brasília e está ansioso para curtir...

5 dicas para você vencer o medo de viajar de avião

Viajar de avião torna-se uma opção mais popular a...

Doha: o que fazer e onde ficar na capital do Catar

Além de ser a capital do Catar, Doha é onde pode-se encontrar a maioria dos atrativos do país. Veja tudo que você precisa saber antes de conhecer o destino.

Top 10 pontos turísticos de Bonito

Os pontos turísticos de Bonito são diversificados e proporcionam experiências inesquecíveis através do intenso contato com a natureza.
Redação Bolsa de Viagemhttps://www.bolsadeviagem.com.br/
Dicas de viagem para você escolher os melhores destinos, melhores hotéis, melhores passeios, promoções de passagens aéreas e conhecer as praias mais bonitas

Ottawa: As 11 melhores coisas para fazer na capital do Canadá

Conhecida por ser referência em educação nas Américas, Ottawa reserva inúmeras surpresas para quem se disponibiliza a conhecê-la melhor.

Pontos turísticos de Macapá: O que fazer em uma viagem curta à capital do Amapá

O turismo é uma das principais atividades econômicas de Macapá, capital do Estado do Amapá, no Norte do Brasil. Por isso, a cidade mantém...

As 11 melhores coisas para fazer em Edimburgo na Escócia: o segundo destino mais buscado pelos turistas que visitam o Reino Unido

Conheça os principais pontos turísticos de Edimburgo. Uma cidade que reserva inúmeras surpresas e paisagens deslumbrantes para ninguém botar defeito.