Quem tem labirintite pode viajar de avião?

Quem tem labirintite pode viajar de avião? Eis uma pergunta frequente de quem sofre com o mal. Tire suas dúvidas e aprenda como proceder diante de uma crise

0
1933

Afinal, quem tem labirintite pode viajar de avião?

Esta é uma pergunta constante de quem sofre com o problema e vive com receio de viajar e passar mal durante o voo.

Este artigo busca esclarecer essas dúvidas e tratar mais sobre esse distúrbio que afeta boa parte dos brasileiros.

Veja Também: Quem teve aneurisma pode viajar de avião?

E mais: 5 dicas de ouro para evitar enjoo em alto mar

labirintite
Fonte: Leandro Teles

Afinal, o que é labirintite?

A labirintite é uma espécie de inflamação do ouvido interno decorrente de infecções virais ou bacterianas que afetam o labirinto, provocando sintomas tais como tontura, vertigens e perda de equilíbrio.

Todas essas funções são controladas pelo cérebro que define qual é a posição do nosso corpo em relação ao ambiente/espaço.

Quando o labirinto está comprometido, o cérebro fica confuso, desencadeando os sintomas conhecidos da labirintite.

Existem alguns truques caseiros para amenizar os sintomas causados pela labirintite.

Entre eles, está o aumento da ingestão de água, repouso, baixa exposição à sons e luzes, além da suspensão do consumo de bebidas alcoólicas.

Veja Também: 5 dicas para você vencer o medo de viajar de avião

Mas e se eu tiver uma crise dentro do avião?

Algumas pessoas sentem receio de viajar de avião, e até de automóvel, devido às crises de labirintite.

Muitos indivíduos que convivem com o problema afirmam que o quadro tende a piorar nas alturas.

Apesar disso, as viagens de avião só são desaconselhadas quando a pessoa encontra-se em meio a uma crise.

Fora isso, buscar meios de amenizar ou evitar o início de uma crise é o melhor jeito de viajar bem e sem maiores complicações.

Caso você sofra de quadros constantes de labirintite e tem alguma viagem programada, é aconselhável procurar um médico para obter um diagnóstico mais aprofundado e para que ele receite o melhor medicamento para você tomar durante uma crise no ar.

Veja Também: 11 segredos que os comissários de voo não revelam aos passageiros

Por outro lado, se você desenvolver uma crise já dentro do avião, além da medicação, algumas dicas podem ser salvadoras para você se sentir melhor:

1 – Tenha na bolsa um descongestionante nasal em gotas ou spray.

Aplique nas narinas assim que perceber o início da crise de labirintite;

2 – Use protetores nos ouvidos durante a decolagem e a aterrizagem do avião.

Eles vão ajudar a controlar a pressão do ar e deixar você menos enjoado;

3 – Beba pequenos golinhos de água ou boceje quando começar a se sentir mal.

Esses truques também são excelentes para regular a pressão do ar;

4 – Informe-se se o avião que você irá pegar é pressurizado.

Evite os que não são.

Seguindo essas dicas, você com certeza fará viagens mais tranquilas e sem problemas causados pela labirintite.

Teste e nos conte a sua experiência.

Curta: Nossa Página no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here