6 dicas para você conseguir as melhores taxas de câmbio e economizar muito na viagem

Aprenda seis estratégias incríveis para você conseguir economizar muito na viagem, através do bom planejamento quanto às taxas de câmbio.

0
627

As taxas de câmbio e como economizar muito na viagem, são sem dúvida os assuntos mais controversos abordados pelos brasileiros na hora de programar uma viagem para o exterior.

Devido à alta variação dos valores, que ocorrem a todo o momento, é comum ter de enfrentar a dúvida antes de comprar uma moeda muito valorizada.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para te ajudar a economizar muito na viagem, através do bom planejamento quanto às taxas de câmbio.

Veja Também: Os 20 destinos internacionais mais baratos para viajar

E mais: Férias: 5 estratégias para você gastar menos em sua Viagem

Assim, você poderá poupar ainda mais dinheiro para utilizar e economizar muito na viagem.

Veja mais!

Curta: Nossa Página no Facebook

Dicas para você conseguir as melhores taxas de câmbio e economizar muito na viagem

Como conseguir as melhores taxas de câmbio e economizar muito na viagem economizar muito na viagem post
Fonte: Cambiar

1 – Calcule os gastos da viagem com antecedência

Deixe de lado a ideia de separar uma determinada quantia de dinheiro e simplesmente trocar tudo uma semana antes da viagem.

Meses antes da data tão esperada, planeje todos os gastos que pretende com a sua viagem.

Passagens, transportes, hospedagem, alimentação, passeios, compras extras… Tudo deve ser pensado com antecedência.

Assim, fica mais fácil saber a quantidade precisa de dinheiro que irá utilizar com toda a viagem – sem a necessidade de ter que apelar para cartões de crédito no meio do passeio.

Veja Também: 5 dicas para você planejar sua viagem e não ter imprevistos

2 – Pense pequeno!

O cenário econômico do país já não é surpresa para nenhum brasileiro.

Por isso, vale a pena tomar cuidados extras com a compra da moeda.

Uma boa dica para economizar muito na viagem é evitar adquirir todo o dinheiro estrangeiro que irá precisar de uma vez.

Fazendo isso, você evita se prejudicar com a variação cambial.

O dólar e o euro, por exemplo, são moedas que sempre estão em alta – por serem muito procuradas.

Ao adquirir as moedas pouco a pouco, no decorrer de um ano, por exemplo, você com certeza gastará bem menos do que se comprasse de uma vez só.

Veja Também: 18 dicas para qualquer mão de vaca viajar de boa

3 – Faça uma divisão dinheiro vivo e cartão pré-pago

O cartão pré-pago já não é uma alternativa tão em conta quanto um dia já foi.

Esse fato se deve ao aumento do índice de taxas, similar à do cartão de crédito.

Portanto, levar dinheiro para o exterior ao invés de um cartão pode ser de grande ajuda para economizar muito na viagem.

Entretanto, é recomendado transferir parte do dinheiro para algum cartão – por questões de segurança.

Assim, se acontecer de você perder sua carteira ou ser roubado, não corre o risco de perder todo o dinheiro que levou para a viagem.

Veja Também: Os 12 destinos mais baratos para viajar em fevereiro

4 – Pesquise e compare valores

Vale a pena comparar o câmbio e as taxas de instituições de renome antes de adquirir a moeda para a viagem.

Dessa forma, é possível conseguir a melhor cotação e evitar gastos desnecessários com as taxas.

Procure utilizar determinadas plataformas digitais especializadas em encontrar e comparar as melhores taxas e preços de câmbio.

Veja Também: As 17 cidades mais baratas para turistas no mundo

5 – Evite usar cartões de crédito

Como já abordamos no tópico (3), usar o cartão de crédito no exterior pode ser uma grande desvantagem.

Afinal, as taxas são muito altas e podem prejudicar no final das contas.

Pode ser uma experiência bem desagradável só descobrir realmente o quanto gastou na viagem quando o fechamento da fatura sair – devido a variação do câmbio.

Procure só utilizar o cartão de crédito em casos de extrema necessidade para economizar muito na viagem.

Veja Também: As 12 cidades de praia com as hospedagens mais baratas

6 – Evite fazer câmbio em cima de câmbio

Suponhamos que o seu primeiro destino de viagem seja a Inglaterra, em que a moeda é a Libra.

Em seguida, você pretende viajar para a Itália, onde a moeda é o Euro.

No final da viagem, percebe que ainda sobraram algumas Libras na carteira. E aí?

A melhor solução para este cenário é evitar ao máximo trocar a moeda para o valor anterior novamente – dependendo de qual moeda for.

Trocar a moeda outra vez te fará pagar mais taxas de câmbio, te deixando com menos notinhas no final da viagem.

Por isso, se algo assim acontecer no seu caso, vale a pena gastar a moeda ao invés de trocar.

Compre uma roupa bonita ou almoce em um belo restaurante, por exemplo.

Veja Também: 5 dicas para você encontrar passagens aéreas mais baratas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here